quinta-feira, junho 30, 2005

Regresso a casa


Tb estive de férias: Deserto Sahara - Tunísia (perto de Douz)

Comentários:

Excelente foto!
Abraço da Zona Franca  

esta fotografia esta 5*. atrai qualquer um!
caramba, vçs só me mostram férias!! tb queruuu  

que sejas bem regressado... a foto tá muito boa!!! Excelente instantâneo. Dá mesmo vontade de saltar lá para dentro...  
Enviar um comentário

«Inicial

quarta-feira, junho 29, 2005

Serenidade ao fim da tarde...


Praia do Magoito - Sintra - Portugal Posted by Hello

Comentários:

o intuito é pôr-me a remoer com inveja de uma vista destas?!

conseguiste!!! tenho que estar aqui fechada!!! :(  

obrigado ana... o maior objectivo de uma fotografia é despertar emoções... fico feliz por ter conseguido isso...  
Enviar um comentário

«Inicial

Escapadinha


A razão do desaparecimento do medman... uma escapada a Sintra, mesmo antes das férias!!! Posted by Hello

Comentários:

gostei!
sim senhor...gostei!  

Ainda me lembro dos anos seguidos q passei férias em Sintra...Lindo...
Entre a Pena, o Castelo dos Mouros e a Praia das Maçãs...

Enfim, e eu aqui fechado a aturar cromos!

Abraços da Zona Franca  

Bom enquadramento.  

obrigado a todos...

freddy, um abranço FRANCO dos culpados... e antes aturar cromos que processar médicos!!! ;)))  

Essa imagem é o quê?

Uma que conhece mal Sintra  
Enviar um comentário

«Inicial

Façam o favor de desculpar... foram só umas incorrecções

Ex.mo Júri do Exame de Acesso ao Internato Médico,

Façam o favor de desculpar as incorrecções no meu exame! Afinal não foram erros... foram apenas umas incorrecções. Umas pequenas cruzes fora do sítio, sem nenhum significado.
Espero que possam ter comigo a mesma benevolência que todos têm tido com as trapalhadas erros incorrecções do actual governo.

Sem mais de momento, um interno geral...


Comentários:

se fosse eu desculpava...afinal errar é humano. E que faz um médico afinal? tenta remediar (curar) o humano...  

então e que tal correu o exame? Tinha imensos amigos a fazer nesse mesmo dia. (20 de Junho) se não me engano...  

ah... eu sou futura dentista :)  
Enviar um comentário

«Inicial

quarta-feira, junho 22, 2005

Agora que há outras leituras em vista... (do autor do "Livro da Selva")

If

If you can keep your head when all about you
Are losing theirs and blaming it on you;
If you can trust yourself when all men doubt you,
But make allowance for their doubting too;
If you can wait and not be tired by waiting,
Or, being lied about, don't deal in lies,
Or, being hated, don't give way to hating,
And yet don't look too good, nor talk too wise;

If you can dream - and not make dreams your master;
If you can think - and not make thoughts your aim;
If you can meet with triumph and disaster
And treat those two imposters just the same;
If you can bear to hear the truth you've spoken
Twisted by knaves to make a trap for fools,
Or watch the things you gave your life to broken,
And stoop and build 'em up with wornout tools;

If you can make one heap of all your winnings
And risk it on one turn of pitch-and-toss,
And lose, and start again at your beginnings
And never breath a word about your loss;
If you can force your heart and nerve and sinew
To serve your turn long after they are gone,
And so hold on when there is nothing in you
Except the Will which says to them: "Hold on";

If you can talk with crowds and keep your virtue,
Or walk with kings - nor lose the common touch;
If neither foes nor loving friends can hurt you;
If all men count with you, but none too much;
If you can fill the unforgiving minute
With sixty seconds' worth of distance run -
Yours is the Earth and everything that's in it,
And - which is more - you'll be a Man my son!


.: Rudyard Kipling

Comentários:

:-)  

"you'll be a Man my son!"
assim...todos nós seriamos..ou somos! :)  
Enviar um comentário

«Inicial

quinta-feira, junho 16, 2005

Mais lenha para uma velha discussão

Aqui vão os resultados de um estudo em que tantos os médicos como os farmacêuticos estão a praticar ilegalidades.

Comentários:

Já postei sobre o assunto...lenha no verão!  

Ahhh... gosto de estar nas minorias!!!
Não "tranco" receitas!!!!  

Incendiário...
E ainda dizem mal dos advogados...  
Enviar um comentário

«Inicial

terça-feira, junho 14, 2005

Porque a vida não é só estudo!


Aqui fica a prova de que as notícias da minha morte são (felizmente) exageradas... O estudo está a custar, o dia do exame está a chegar, mas a vida não pode ser só estudo. Posted by Hello

Sem temer que isto se comece a parecer com um photoblog, aqui vai a prova que o medman também apanha sol, e tira fotografias... e vai a aniversários dos amigos (por falar nisso... parabéns Betadine - só quem viu sabe quão imperdível foi ver a tua "surpresa").

Obrigado a todos que deixaram uma mensagem no post anterior para me alentar o estudo. E descansem que em breve voltarei à "actividade". O sofrimento (que felizmente foi mais curto do que eu desejava) está quase a acabar... e tenho a certeza que este será apenas mais um exame, e que de certeza há muitas coisas mais importantes na vida. Além do mais, lembro-me sempre de uma máxima da minha mãe: "Está atento, porque sempre que se fecha uma porta, abre-se uma janela". Dê lá por onde der, conseguirei encontrar uma "nesga" por onde entrar!

Se não for antes... até breve!

Comentários:

Vocês não existem, foi o melhor dia dos últimos 9 meses!!! Obrigado! Graças a vocês o sono só chegou a altas horas da madrugada!
Boa sorte a todos e espero dentro de uma semana estar a comemorar o sucesso de todos!  

gostei de ter noticias tuas!!
a tua sombra parece saudavel! :)  
Enviar um comentário

«Inicial

domingo, junho 05, 2005


Como têm sido os meus últimos dias... :( Posted by Hello

Comentários:

Como somos bons com os códigos de cor e os post-it. ;)
Bom estudo e boa sorte para o exame (felizmente, eu ainda "Só" tenho de me preocupar com o rouvière).  

AAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHRGHHHHHHH!!!

O Dirty Harry já me dá vómitos... Imagino a ti, com a proximidade... Muito boa sorte!!!  

força e êxitos  

Eheheh! Onde será q eu já vi isso? :P Bom estudo! Bjokinhas***  

Depois do exame, nada volta a ser o que era... Unica cena que posso garantir... Boa sorte... Já passei e não recomendo...  

Força nisso!!

Eu cá estou de volta do harper's e do Devlin...

Good luck!  

Está quase... depois tens de me emprestar os resumos dos exames ordenados por matéria :)  

Grrrrr!! Que aflição...e não é nada comigo.
Boa sorte para o estudo e para o exame.
O mesmo desejo à Cecília.
Beijinho  

boa sorte! :)

com este calor estudar...bah!!  

Falamos a 22. Uns abraços.  

Como já disse noutro lado: calma que aquilo é canja...
:)  

Sofre-se, mas não se morre!
Boa sorte e em Novembro vai de férias e esquece tudo: não serve para (quase) nada!
Abraço
Serafim (ICBAS 1983-1990)  
Enviar um comentário

«Inicial

sexta-feira, junho 03, 2005

Telhados de vidro...

Ainda há dias falávamos das "reformas milionárias" de alguns políticos, quando somos hoje confrontados com o "défice moral" do Ministro das Finanças.... Vergonha Sr. Ministro... Há uns meses, o que interessava não era a legalidade, era a moral... O que diz agora Sr. Eng.? Uma cabala contra o Governo? Ou falta de moralidade? Vir agora dizer que está tudo bem, só porque é legal, apenas demonstra a completa imbecilidade e falta de vergonha que vai por esses lados.

O crescimento económico durante a campanha eleitoral ia ser de 3%, agora já foi revisto em baixa para 0,8%. Mas tudo isto é normal...
O número total de funcionários públicos ia baixar 75 mil, agora já não. Mas isto é normal.
Os impostos não iam aumentar, agora aumenta o IVA, o imposto sobre os combustíveis e o tabaco e os escalões do IRS. Mas isto é normal.
O défice ia ser controlado através da diminuição da despesa, agora já é através do aumento da receita. Mas isto é normal.
As SCUTS não iam ser pagas, continuam a não ser pagas por quem usa, mas por todos, incluindo os que não usam. Mas isto, chama-se autárquicas.
E mais uma vez... a CULPA É DO MÉDICO... Os gastos com medicamentos nos hospitais aumentaram 18%, porque os médicos prescrevem muito. Mas será que há alguém com coragem de dizer que os médicos não deve utilizar a legis artis para tratar os seus doentes? Se a Medicina evolui, os médicos têm que a acompanhar, senão vão parar aos tribunais. Se evoluem e tratam de acordo com os melhores instrumentos à sua disposição é porque são despesistas...
E ainda ouvi uma "besta" (não tem outro nome que lhe possa ser chamado) de um farmacêutico a dizer que com as novas medidas, quem vai ser prejudicado são as farmácias e não os médicos, que são os geradores da despesa... Confesso que ainda não percebi como é que o governo consegue baixar o preço de algo que não lhe pertence (os medicamentos), mas só tem duas hipóteses: ou corta ao preço dos medicamento, ou tem a coragem política de instruir os médicos para não tratarem os seus doentes de acordo com o melhor tratamento disponível, mas sim de acordo com o tratamento mais económico... é uma questão de estabelecer o preço de uma vida. Se é preciso tratar 1000 doentes com uma estatina para que 30 não morram e isso custa um milhão de euros, é fácil... por cada milhão de euros poupados, morrem mais 30 pessoas, mas que fique bem claro que isso é por "ordem" governamental e não por negligência dos médicos!

Desculpem a "confusão" deste texto, mas teve que ser escrito ao "fluir da pena" e não tenho tempo nem disposição para o corrigir... Repito o apelo... No final da época deixe-me ir embora!

Comentários:

Eu antes critiquei a reforma milionária e não quem a legitimamente a recebeu (e não disse que tinha qualquer défice de moral). Agora tb critico a acumulação de reformas com ordenados públicos (e já agora a possibilidade de receber reforma depois de se ser 5 anos vice-governador do Banco de Portugal) mas acho ridículo acusar quem a recebe de falta de moralidade. Nesse aspecto o Sócrates já respondeu tal como o Bagão Félix respondeu na altura(ambos tarde -http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?
id=1224984&idCanal=34 - diz que vai deixar de ser possível acumular por inteiro as duas com aplicação imediata.
A do crescimento económico é igual em todos os partidos. A de reduzir os funcionários públicos posso estar desatento mas julgo que contínua um objectivo. A dos impostos é uma contradição clara parcialmente justificada pelos 6,8% (porque embora não tenham feito a campanha "publicitária"que foi feita na altura da saída do guterres, a situação deixada pelo anterior governo é igualmente grave e parcialmente desconhecida na altura das eleições).
Scuts - estão a ser coerentes (tu refilas por cumprirem e por não cumprirem).
Eu não o ouvi dizer que os médicos receitavam de mais ou que a culpa do aumento dos gastos é só dos médicos ou que iam estar limitados na prescrição. As medidas que saíram para a praça pública até agora são mais declarações de intenções e ainda não vi nada objectivo: vamos esperar. Algumas que ouvi falar parecem-me interessantes.  

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.  

2 pontos

O défice da saúde é real. Os gastos são enormes. è dos ministérios onde a falta de recursos humanos é mais notória e onde serão mt dificeis cortes no pessoal. Exige-se alguma redistribuição, "obrigar" algumas pessoas a mudar de local de trabalho - médicos inculidos - mas mesmo assim continua a faltar mt gente, especialemnet enfermeiros.
As famosas horas extraordinárias dos médicos - embora existindo exemplos obscenos - são uma gota de água.
O corte da despesas na saude tem que começar por tranferir os custos de medicamentos e ECDs para os seguros e sub-sistemas de saúde de quem os tem. Todos sabemos a mama que é: aqueles pagam o barato - umas consultinhas, umas análises, uma peq operação - mas qd é pra comparticipação de tratamentos, ECDs pesados, cirurgias sérias, "entra" o SNS.
E tem que existri alguma racionalização: existe mt duplicação de actos, de ECDs por falta e troca de informação, pq não é fácil aceder a uma ECD que o doente tenha feito 6 meses antes.

2- Sou benificiário de uma SCUT. As SCUTs deviam deixar de o ser e passar a ter portagem. Só "vejo" 2 ou 3 excepções: regiões economica e socialmente deprimidas, sem laternativa real, ou AEs metropolitanas circulares/radiais.
No meu caso específico a Via Infante não obedece a nenhuma destas. Não devia ser SCUT.  

Pensem numa coisa muito real, custos com a saúde de quem não paga um tostão, nem em impostos nem à segurança social.
Já repararam quantos brasileiros têm direito a assistência
médica gratuita?
Sabem quantas brasileiras vêm cá parir, de borla?
Perguntem aos obstetras o que é que fazem as fulanas nomento do parto e o que dizem e ameaçam. Vêm das favelas e pedem tratamento VIP, sempre com cesariana.
Agora são as chinesas, deois dos do leste.
Já pensaram porque há cerca de 13000000 de cartões emitidos? Cerca 100000, serão burlas e reinscrições o resto é falta de controlo, culpa das DGSs e da política laxista. Leiam o discurso de Blair mesmo que não gostem dele. Já agora peçam internamento compulsivo do PR, por doença cerebro vascular ou pior...
As contas estão mal feitas, basta andar nas urgências e nos centros de saúde para saber o que se cobra e como se fecha os olhos aos coitados dos imigrantes, o problema é a factura. Esperem pela sida trazidas pelas prostitutas de leste e brasil, em toda a dimensão, desde as crianças de mães seropositivas até a todos os restantes, é arrepiante, o laxismo desta gentalha que manda neste sítio. Agora são os ilustres da sacrossanta escola nacional de saúde pública onde só entravam os comunas, eles aí estão a mandar isto para o buraco.
Chamam xenofobia? Eu chamo doença mental de um PR mentalmente doente, basta atentar aos sintomas:labilidade emocional, não enfrentar problemas e ceder a pressões, irritabilidade constante, com verborreia incontinente e mais se atenterem, típico Alzheimer na fase de início de estado da história natural.  
Enviar um comentário

«Inicial

quarta-feira, junho 01, 2005

Tabaco 80% mais caro

Li aqui que o governo planeia aumentar o tabaco em 80% até 2009 e que planeia proibir a venda a de tabaco a menores de 18 anos.
Concordo absolutamente com a 1º medida: é a única medida comprovadamente eficaz de combater o tabagismo e vai permitir que os fumadores com os impostos que pagam ao comprar um maço de tabaco paguem um pouco o que gastam no SNS; (in)felizmente ficam mais baratos nas reformas porque morrem mais cedo . Cuidado é com o previsivel aumento do contrabando.
A 2º medida já tenho mais dúvidas até porque julgo que será de dificil aplicação em Portugal. Para começar os 16 anos parecia-me mais sensato.

Vamos ver se isto é só fogo de vista ou se o diploma vai mesmo para a frente.

Comentários:

Não sei até que ponto o seu "post" foi carregado de ironia. Parecer-me-ia mais sensato que o Governo criasse meios (ou, quem sabe, difundisse os métodos actuais) para ajudar os fumadores a deixarem de fumar. Afinal, esta é uma dependência e, como tal, não se deixa com 1 ou 2 cantigas. Nem todos somos iguais e, supostamente, deveríamos ajudar quem não o consegue por si próprio. Utopia ou não, seria uma medida mais vantajosa a longo prazo: "prevenção primária", chamar-lhe-iam uns, talvez até mista, com a secundária pelo meio. Cumprimentos.  

"O meio" para deixar de fumar é essencialmente vontade própria. Quem quiser um pouco de ajuda (que contribui pouco) pode falar com o médico de família que poderá prescrever pensos de nicotina ou um anti-depressivo. Não existe assim qualquer falta de meios (excepto do lado dos fumadores cuja esmagadora maioria não deixa de fumar porque não quer).
Além disso, tal como eu disse no post, o aumento do preço no tabaco é muito mais eficaz do que qualquer campanha para as pessoas deixarem de fumar (ou não começarem). Portanto o Governo pode dizer (com alguma ironia mas sendo verdadeiro) que está a fazer o melhor possível para ajudar os fumadores e que é uma medida de prevenção primária e secundária e que funciona a longo prazo. É que embora seja bonito e politicamente correcto dizer que se vai fazer uma campanha de informação/prevenção está provado que a sua eficácia é muito baixa (tendo no entanto alguma utilidade conjuntamente com outras medidas, entre as quais as fiscais são fundamentais).
Um abraço  

Francisco - na maioria das vezes não chega...  

Com tantas máquinas de self-service, espalhadas eme stações de serviço e em centros comerciais, essa do limite de idade está carregada de dificuldades. Sejam 16 ou 18... Porque é que algumas medidas trazem uma roupagem ridícula?  

é dificil controlar a venda de tabaco a menores. quantas vezes os pais não mandam os putos irem comprar tabaco e até estão na mesa ao lado e o sr do café até facilita....quando o puto lá voltar,sem o pai, o sr do café volta a facilitar.

quanto ao aumento do preço de tabaco, concordo e não concordo.
quem fuma, vai continuar a faze-lo, o que vai sobrecarregar as familias ao esvaziar o bolso do fumador.
ja se sabe que fumar faz mal...as pessoas deixam de o fazer??
sendo eu favoravel a venda livre de drogas leves, posso dizer para se proibir a venda de tabaco ou antes, tornar o tabaco um prouto de luxo??  

Concordo em absoluto contigo Francisco. Parece-me um moralismo encapotado e impraticável proibir a venda de tabaco a menores de 18 anos (estamos a ficar parecidos com os EUA que os intelectuais de esquerda tanto abominam, e que o faço-elogios-porque-quero-ser-ministro tanto critica).

Quanto ao aumento do preço, está de facto provado que é o único meio eficaz para reduzir o consumo. O que não quer dizer que se deixe de investir na "prevenção primária". Talvez o dinheiro extra que vai ser arrecadado em impostos, possa ser posto ao serviço da educação para a saúde... perdão, esqueci-me que tem que ir para pagar as SCUTs de alguns!  
Enviar um comentário

«Inicial