sábado, fevereiro 12, 2005

Os Homens de Canas

Que todos fossem como os homens e mulheres de Canas de Senhorim.
Pode não se concordar com a luta, pode não se concordar com os métodos, mas uma coisa há que ser reconhecida: a coragem e a persistência da população de Canas, a lutar pelos seus interesses.

Fôramos todos assim e o País estaria bem melhor! Convém reflectir a aprender alguma coisa com a luta de Canas... porque mesmo não conhecendo Canas e não sabendo as suas condições ou necessidades para ser concelho, só me apetece dizer:

Canas a concelho!

Comentários:

Relativamente ao facto de Canas de Senhorim merecer ser concelho ou não confesso que não estou suficientemente informado para emitir uma opinião sobre o assunto. Claramente não concordo com os métodos.
Com certeza que têm demonstrado atitudes de grande coragem (ou falta de ponderação....) mas não consigo evitar questionar, de cada vez que vejo o lider do movimento a falar e a incentivar as pessoas, se o que motiva o homem é mesmo a injustiça de que Canas é alvo (ou não) ou o eventual tacho de presidente de câmara que ele eventualmente gostaria de ter.....  

Preze, you're the man...  

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.  

Sei um pouco mais porque é ao pé de Viseu. Julgo que não cumpre os requesitos para passar a concelho (embora não seria a 1º vez que esses requesitos seriam ignorados por motivos eleitorais). Se Canas passasse a concelho seria sem dúvia bom para a freguesia, mas muito mau para Nelas e um pouco mau para o País.
Relativamente à atitude das pessoas: reconheço a persistência e a luta constante pelas suas convicções (por vezes referida como casmurrisse) e fico feliz por ver que os portugueses por vezes ainda se conseguem mobilizar por uma causa; não concordo com alguns meios utilizados e acho que há outras causas mais importantes para dedicar a nossa energia.
Mas quem sou eu para decidir as causas dos outros?

Agora o processo é diferente para colocar comentários. Está melhor já que assim podemos ver os comentários anteriores.  

até tento entedender a luta de Canas! concordo com a parte em que o Preze fala no tacho para Presidente da camara, e outros para secretárias, e outros para vereadores e outros para motoristas, no fim de contas Canas é "tão grande" que toda a gente ia ter um familiar directo a trabalhar na camara (uma boa medida para criar emprego - segundo uma medida de Socrates, mas isso ja é outra conversa!)

Canas se calhar não sabe que pela sua dimensão ia ter que dividir os financiamentos recebidos pela camera vizinha - Nelas, também não deve saber que o financiamento recebido não compensaria os gastos que iria ter para preencher os requisitos de qualquer terra a concelho!

também é de salientar que o objectivo nacional é diminuir o mumero de concelhos ou melhor não aumentar, tendo em conta as vias de informação e de ligação que existem entre as populações, ou seja, o serviço é prestado mais rapidamente e de forma mais eficiente (pelo menos tend epara tal) logo o dinheiro enviado para os concelhos tende a ser melhor aproveitado e mais bem repartido entre as terras, entre as freguesias, resultando daí um maior e melhor investimento na qualidade de vida dos cidadãos, dos habitantes!
eu só queria saber quais os propositos da luta de Canas, não ser freguesia de Nelas por causa dos dinheiros, ou se a independência passa pela ascensão a cargos "importantes"...  

Se achas que a preserverança cega por causas imbecis é uma atitude louvável...
Eu cá aprecio mais a ponderação, a diplomacia e, sobretudo... a inteligência  

Eu já estive em Canas.
A aldeia dos meus pais é maior que Canas.
Canas não reúne critérios nem para freguesia, quanto mais para Concelho...

"Porque sim" não é argumento.
Boicotar eleições não é método.
O direito à indignação não contempla o desrrespeito às forças da autoridade.
Ceder a esta birra é submissão política e corrupção eleitoral.

A causa dos Canenses envergonha Portugal.  

A não perder na Zona Franca a grande entrevista do repórter Pingú com o grande vencedor do concurso para premiar a capa de LP de vinil mais azeiteira de todos os tempos...

Iniciativas destas só na Zona Franca  
Enviar um comentário

«Inicial